Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 19 DE AGOSTO DE 2018

Email
HOME
QUEM SOMOS
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  19/08/2018   Internet das Coisas para Logística em debate - A Noruega cada vez mais investe no Brasil e a Tecnologia é uma das áreas de interesse. Há ...     19/08/2018   Parte I - Ruínas do Valongo - A missão - Lá se vão mais de 125 anos desde que o primeiros metros de cais do Porto Organizado de Santos re...     19/08/2018   A Arca de Noé do século XXI - A falsa polêmica sobre existir ou não mudança do clima no planeta é assunto que já aborrece os especialista...     19/08/2018   Conexão Caxias – século XXI - Mobilidade e conectividade são critérios essenciais para avaliar a qualidade de vida que uma cidade proporc...     19/08/2018   Greve dos caminhoneiros deixou bomba-relógio. Qual presidenciável vai desarmá-la? - Paralisação de maio escancarou a dependência do Brasi...     19/08/2018   A imprensa precisa fomentar discussões de políticas públicas de transporte com nossos candidatos - Vejo todos os dias notícias sobre tran...     19/08/2018   Trem do serviço turístico Rio-Minas chega a Três Rios - Nesta quarta-feira, 15 de agosto, chegou a cidade de Três Rios o Trem Turístico R...     19/08/2018   Workshop “Redução de custos na logística – Transporte marítimo e portos” - O Portogente realiza em São Paulo, no próximo dia 5 de setembr...     19/08/2018   China vai investir mais US$ 10 bi em ferrovias para estimular economia - PEQUIM – Pequim planeja aumentar os gastos com a construção de f...     19/08/2018   MRS Logística lança cartilha de prevenção de acidentes ferroviários - A empresa MRS Logística S.A está distribuindo cartilhas aos pedestr...  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

09/08/2018

Preservação ferroviária, uma exigência inadiável

Editorial

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

?

0 votos

09/08/2018 - Jornal do Brasil

Artigo de Genésio Pereira dos Santos, advogado, jornalista e escritor

 

Não é de agora que a preservação do patrimônio ferroviário está na fita, uma preocupação de algumas entidades preservacionistas que apelam aos governos federal e estaduais, no sentido de que as relíquias de um passado histórico do modo ferroviário não sejam destruídas, por abandono e descaso – um acervo conquistado ao longo de 164 anos com a circulação do primeiro trem, em 1854, partindo de Guia de  Pacubaíba (Magé) até a Raiz da Serra. A Estação da Leopoldina, inaugurada em 1926, foi uma façanha de Irineu Evangelista de Souza, o Barão de Mauá, elevado ao grau de Visconde, recentemente.

A estação é um marco primário histórico, que a União, o Estado do Rio, Estado Central e a SuperVia têm a responsabilidade pela restauração, mesmo sem a decisão sobre quem é quem, em conjunto ou isoladamente para promover a execução das obras, por se tratar de uma exigência inadiável, “no tempo e no espaço” (meu jargão).

Em vez de rivalizarem-se entre si, essas esferas deveriam formar uma parceria para a restauração das obras, antes que seja tarde demais. Os responsáveis precisam se fazer presentes, pois o prédio da estação é um das relíquias arquitetônicas do povo, assim, todos sairão ganhando, considerando-se que tudo isso é Brasil, sem embargos, frise-se.

A busca pela titularidade dessa prenda, a rigor, não leva a lugar nenhum. Já  é decorrido um ano de atraso, já que houve o último “decisum” da 7ª Turma Especializada do TRF-2, o que quer dizer que o pleito tem data anterior de ajuizamento. Enquanto isso, as obras não acontecem e o prejuízo da deterioração marca presença, pela ausência de quem de direito.

Efetivamente não é essa a vertente para solucionar o impasse. Um gesto de grandeza precisa vir à tona. À população não interessa esse tipo de peleja alimentada pela vaidade de alguns dirigentes à frente da União, Estado Central e SuperVia;  esses dois último condenados a dar inícioàa recuperação do maravilhoso ícone.

O pior nisso tudo é a falta de vontade política das “otoridades”. O desabamento da marquise é eminente; ocorrerá a qualquer momento, basta que algum vândalo ou desocupado resolva forçar os frágeis escoramentos. Em frente ao prédio há um ponto de ônibus, e as pessoas correm perigo.

O Movimento de Preservação Ferroviária (MPF), a Associação Fluminense de Preservação Ferroviária, a Associação Ferroviária Trilhos do Rio, o Grupo Ferroviário de Preservação Ferroviária e a Associação de Engenheiros Ferroviários (Aenfer), todos, há décadas, lutam no sentido de que os bens da antiga Rede Ferroviária Federal S/A sejam devidamente preservados, considerando-se  que são um conjunto patrimonial rico do povo brasileiro, que não deve ficar exposto ao abandono e ao descaso. Um absurdo o que está acontecendo com a Estação Leopoldina.

 

Fonte: http://www.jb.com.br/artigo/noticias/2018/08/09/preservacao-ferroviaria-uma-exigencia-inadiavel/

 

Por Jornal do Brasil - Genésio Pereira dos Santos **

 

Qual a sua avaliação?

0 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Compartilhar

Clique para ampliar

Leia Também

Voracidade e ineficiência

Transporte sob Pressão

Falta regulamentação para operações de concessionárias federais

O Brasil precisa de mais e melhores rodovias

O Brasil vai bem de trem

Internet das Coisas para Logística em debate

Parte I - Ruínas do Valongo - A missão

A Arca de Noé do século XXI

Conexão Caxias – século XXI

Greve dos caminhoneiros deixou bomba-relógio. Qual presidenciável vai desarmá-la?

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística